Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

'Não Há Tantos Homens Ricos como Mulheres Bonitas Que os Mereçam' pela voz da sua autora, Helena Vasconcelos:

Autoria e outros dados (tags, etc)

Começa amanhã na RTP, pelas 23h30, o novo programa de entrevistas de José Rodrigues dos Santos. Rodrigues dos Santos terá dito ao Diário de Notícias que estas conversas nunca serão iguais mas que vão incidir sobre uma série de temas comuns, como o universo literário dos autores, a forma como vêm a literatura, o modo como encaram a vida e uma pergunta recorrente: "O que é para si um bom romance?".

 

Entre os dezassete autores com quem o jornalista fala está Paul Theroux, que esteve em Portugal em Abril, por ocasião da publicação de O Velho Expresso da Patagónia e também do encontro Literatura em Viagem, em Matosinhos. 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

 

Daqui a nada começa na RTP 2 a série Mad Men. Criada por um dos argumentistas de Os Sopranos, a série promete ser um exercício raro de boa ficção televisiva. «O foco da trama está na vida do publicitário Donald Draper e nas pessoas que fazem parte da sua vida dentro e fora do escritório, mostrando também as mudanças de comportamento da “América dos anos 60”.», promete o site da RTP. 

 

Porque falamos dela no blogue da Quetzal? Porque o seu criador disse que não teria iniciado este projecto se tivesse conhecido antes a obra de Richard Yates. A avaliar pelo que dizem os blogues lá fora, Mad Men lança um olhar nostálgico e irónico sobre os anos 50/60 que mostra os hábitos tidos por policamente incorrectos pelas gerações seguintes: fumo, bebida, racismo, as aventuras extra-conjugais de hora de almoço, a ideia adquirida de que uma mulher é propriedade do seu marido. Talvez possa não ser ainda o ambiente de Perto da Felicidade (apenas porque se passa no período entre guerras, porque toda essa natureza humana está já no romance de Yates que acaba de chegar às livrarias). Mas Mad Men será certamente uma série próxima de Young Hearts Crying, de Yates, que publicaremos na rentrée.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


QUETZAL. Ave da América Central, que morre quando privada de liberdade; raiz da palavra Quetzalcoatl (serpente emplumada), divindade tolteca, cuja alma teria subido ao céu sob a forma de Estrela da Manhã.

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

  •  
  • Sites e blogues de autores

  •  
  • Sobre livros

  •  
  • Editoras do Grupo BertrandCírculo

  •  
  • Comprar livros online

  •  
  • Festivais Literários

  •  
  • Sobre livros (imprensa portuguesa)

  •  
  • Sobre livros (internacional)

  •  
  •  

  • Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2015
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2014
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2013
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2012
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2011
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2010
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2009
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D