Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Quetzal

Na companhia dos livros. O blog da Quetzal Editores.

Depois de ser finalista do Booker e do Costa, How to be Both, de Ali Smith, é um dos finalistas do prémio Folio, no valor de 54 mil euros. O prémio destina-se a escritores de língua inglesa e, este ano, a lista de finalistas inclui obras do irlandês Colm Tóibin, dos norte-americanos Ben Lerner e Jenny Offill, da queniana Yvonne Adhiambo Owuor, da britânica Rachel Cusk, da indiana Akhil Sharma e da canadiana Miriam Toews, de quem a Quetzal publicou Irma Voth, em 2013. O vencedor será anunciado a 23 de março.

Ler na BBC.

 

ali_smith.jpg

 

 

Ali Smith, de quem a Quetzal tem vindo a publicar a obra, é uma das presenças na longlist do Man Booker, com o romance How to be Both. Este ano, pela primeira vez na história do prestigiado prémio, podiam concorrer autores norte-americanos, o que fez com que nesta primeira lista de finalistas constem os nomes de Siti Hustvedt, Richard Powers, Joshua Ferris e Karen Joy Fowler.

 

O último livro de Ali Smith publicado pela Quetzal foi O Passado é um País Estrangeiro (There But For The), que chegou às livrarias em novembro de 2013.

 

Ler a notícia no Guardian.

 

«Ali Smith tem na linguagem um dos principais protagonistas deste livro – explora-lhes sentidos, estica a corda das hipóteses ou truques experimentais até parecer que ela vai rebentar. É aí que Brooke se revela fundamental num romance que mostra uma vez mais a incapacidade de Smith para se acomodar. Brooke é exímia nos trocadilhos, na paranomásia, na vontade desconstruir e baralhar para dar quase sempre diferente, intercalando humor e inteligência, cultura pop (sobretudo na música e no cinema) e as mais exigentes referências literárias. A charada é difícil, mas o prazer de jogar existe mesmo sabendo que a derrota é provável.»

 

Isabel Lucas, Ípsilon

 

«Especialista em desconstruir com as palavras um puzzle que dávamos por feito, Ali Smith baralha as peças e distribui-as de outra forma dando origem a novas realidades. Página 235: “Imaginem que o vosso corpo estava todo coberto de borboletas e que as borboletas eram olhos, a abrir e a fechar as asas como pestanas e ao mesmo tempo a ver tudo a níveis diferentes. Será que veríamos os lados de todas as coisas ao mesmo tempo?”»

 

Rui Lagartinho, Time Out

 

Like, que tanto pode ser “gosto” como “qualquer coisa como”, é o tal jogo onde cabem todos os sentimentos embrulhados numa poética tantas vezes incómoda, porque crua, sem medo das palavras e dos seus duplos significados. Like (vou propositadamente ao título original) vai à autobiografia. Ali sabe o que é viver itinerante, com pouco. Também ela foi sem rede no seu percurso para Cambridge, quando um dia deixou a Escócia. Só que, nessa viagem, Ali, ao contrário de Amy, ganhou o amor da sua vida, a mulher com quem ainda vive e que a ajudou a afirmar a sua identidade: homossexual, escritora, pouco dada a holofotes.

 

Qualquer Coisa Como é quase o respirar de alívio para quem admira a obra de Ali Smith e ainda não sabia da sua estreia. E a confirmação de um talento literário que apenas veio a refinar-se.”

 

Isabel Lucas, Público

 

“Finalista do Man Booker e do Orange Prize com os romances Hotel Mundo e A Acidental (ambos publicados pela Bico de Pena), Ali Smith é considerada uma das escritoras britânicas mais inventivas do século XX e tem uma série de romances e colectâneas de contos premiadas, incluindo a que a Quetzal publicou no ano passado, Amor Livre e Outras Histórias. A origem de tudo isso está aqui. E é simplesmente difícil não gostar de Like.”

 

Ana Dias Ferreira, Time Out

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D