Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]


“Antes de ler o livro de Caio Fernando Abreu vi, há algum tempo, o filme de Guilherme de Almeida Prado, com duas notáveis interpretações (Carolina Dieckmann, como Márcia, e Maitê Proença). Partir daí para o livro acaba sempre por ser pisar um território minado. Mas, afinal, um dos grandes fascínios do filme é o jogo de espelhos entre o passado e o presente, o visível e o invisível. Entre a imagem e a prosa também se faz a vida deste Onde Andará Dulce Veiga? Para isso é preciso também ir ao início. Em 1987, Caio Fernando Abreu publicou no Estado de São Paulo uma crónica chamada Onde Andará Lyris Catellani?, sobre uma actriz que fizera alguns filmes nos anos 60 e depois desaparecera. Guilherme de Almeida Prado fez-lhe a proposta para fazerem um filme com base nessa história e Abreu ripostou que estava a escrever um romance que falava desse tema, Dulce Veiga. A história refinou-se: um jornalista que tem uma estranha noção de moral e que se está a afundar no seu próprio mundo, procura descobrir o que aconteceu à actriz. E acaba por descobrir a filha de Dulce Veiga, uma roqueira lésbica. […] Um grande livro da literatura brasileira contemporânea.”

 

Fernando Sobral, Jornal de Negócios

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.



QUETZAL. Ave da América Central, que morre quando privada de liberdade; raiz da palavra Quetzalcoatl (serpente emplumada), divindade tolteca, cuja alma teria subido ao céu sob a forma de Estrela da Manhã.

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

  •  
  • Sites e blogues de autores

  •  
  • Sobre livros

  •  
  • Editoras do Grupo BertrandCírculo

  •  
  • Comprar livros online

  •  
  • Festivais Literários

  •  
  • Sobre livros (imprensa portuguesa)

  •  
  • Sobre livros (internacional)

  •  
  •  

  • Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2015
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2014
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2013
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2012
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2011
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2010
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2009
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D