Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Tony Belloto é um dos convidados do próximo Nuno e Nando - o programa de Fernando Alvim e Nuno Markl na Antena 3 - amanhã, das 11h00 às 13h00. Fernando Alvim lê um excerto do livro e quase provoca um choque em cadeia. Tony fala de Bellinni, Malu e dos Xutos. Nuno Markl e Rita Curvelo - a outra convidada do programa - tentam falar sobre rádio e o marketing das artes. Nos intervalos, a música dos Titãs.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Umas páginas depois da entrevista que habilmente conduziu em tempo real sem poder olhar para o entrevistado, o crítico faz referência ao «existencialismo torturado dos sportiguistas», chama ao autor «espécie de inglês que vê tudo como um jogo», revela o seu truque favorito: «o cruzamento entre a cultura erudita e a popular». E atribui cinco estrelas em cinco à Pastoral Portuguesa. Tudo isto no Ípsilon de hoje, por enquanto ainda só disponível em papel.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Filho de um estivador e de uma criada de café, Welsh, antigo dependente de drogas duras, conhece bem o "milieu" que escolheu para centrar a obra [Porno]. Tendo começado por trabalhar como electricista no departamento de habitação social da Câmara de Edimburgo, voltou a estudar, depois da morte do pai, obtendo um MBA na Herior-Watt University com uma tese sobre a igualdade de oportunidades entre mulheres e homens. Perguntado pelo Daily Mail sobre as origens sociais, afirmou considerar-se "not so much middle-class as upper-class. I'm very much a gentleman of leisure. I write."

 

 

No Ípsilon de hoje Eduardo Pitta escreve sobre Porno, de Irvine Welsh.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ao contrário da maioria dos anglófilos que conheço, eu sou uma nódoa em francês: não consigo ler mais do que o "L'Équipe", e mesmo assim com grandes dificuldades. Para a literatura francesa estou totalmente dependente do Pedro Tamen e tenho lacunas enormes no currículo por causa disso. Mas não tenho assim nada contra eles, genericamente. Aliás, uma vez estive em Françae achei tudo, como diria o Gonçalo Cadilhe, "muito bonito".

 

Rogério Casanova em entrevista a Pedro Mexia, no Ípsilon de hoje, a propósito da publicação de Pastoral Portuguesa, pela Quetzal - a primeira entrevista assumidamente via Messenger da imprensa portuguesa. A não perder.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Américo Silva lê alguns dos 366 Poemas que Falam de Amor (escolhidos por Vasco Graça Moura e publicados pela Quetzal), nas ruas do Chiado - uma acção das Livrarias Bertrand no dia 14 de Fevereiro, válida durante os restantes 364 dias. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Bellini na Fnac

25.02.09

No Diário Digital, uma pequena descrição do lançamento de Um Caso com o Demónio, de Tony Bellotto: «Bellini está de regresso a Portugal. Depois de Um Caso de Espíritos, um dos mais famosos detectives da actual literatura brasileira regressa com Um Caso com o Demónio. O investigador foi visto nesta terça-feira na FNAC do Chiado e esteve acompanhado pelo seu criador, Tony Bellotto, mas também por Malu Mader, mulher do escritor, Francisco José Viegas, director editorial da Quetzal, e Zé Pedro, amigo e músico dos Xutos & Pontapés»

 

E no Correio da Manhã: «O escritor brasileiro Tony Bellotto é mais conhecido como líder da banda de rock Titãs, mas ontem tinha mais escritores na sessão de apresentação do seu livro em Lisboa do que rockers.»

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

 

É amanhã, na Fnac do Chiado, às 18h30. Malu Mader lerá excertos do livro. Zé Pedro e Tony Bellotto tocam juntos. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

Tony Bellotto, autor de Um Caso com o Demónio, visto por Pedro Vieira no seu Irmão Lúcia, para o lançamento do novo livro com o detective Bellini.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Uma antecipação ao lançamento (amanhã, terça-feira gorda, na Fnac do Chiado pelas 18h30). 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Luís Filipe Cristóvão acha que é difícil resistir a comprar livros como este.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Em 2003 e 2004, no Verão, grande parte da floresta da minha terra foi destruída pelo fogo. Tanto num ano como no outro as chamas andaram à solta pela serra de Monchique, e até bem para lá dos seus limites. Lembro-me de que na altura alguém me disse que eu poderia escrever sobre esses tempos terríveis. Logo pareceu-me que não, que era tudo ainda muito recente. Mas ao mesmo tempo senti que mais tarde talvez acabasse por fazê-lo. Foi já em 2008 que comecei a escrever, primeiro sem saber bem por que caminhos seguir, depois eu próprio a espantar-me com uma descoberta que fazia, a de que o romance estava a ser escrito dentro da minha cabeça desde uma noite terrível do Verão de 2004.

 

António Manuel Venda criou um blogue para o livro que acabamos de publicar, onde se pode ler este e outras notas.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

 Na sala de jantar da minha avó havia um aparador com portas de vidro e dentro desse aparador um pedaço de pele. Era apenas um bocadinho, mas espesse e coriáceo, com manchas de pêlo avermelhado e rijo. Estava preso por um alfinete enferrujado a um postal onde mal se distinguia qualquer coisa escrita a tinta preta, mas, nessa época, eu era demasiado miúdo para saber ler. 

- O que é aquilo?

- Um pedaço de brontossauro. 

 

Começar pelo princípio: os três primeiros parágrafos de Na Patagónia, de Bruce Chatwin. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Remo Bellini

21.02.09

«O detective Remo Bellini (teve um rimão chamado Rómulo, que morreu duas semanas após o parto, e desde então isso ainda afecta Remo) trabalha para uma agência comandada pela melómana Dora Lobo (adora música clássica, e Bellini perde-se ouvindo "blues" e não tem paciência para Mozart, Vivaldi e quejandos). Remo Bellini é divorciado, incomoda-o ter começado a perder cabelo, tem uma amante fogosa, Cris, que é casada com um fazendeiro rico; é um romântico solitário, quase um anti-herói.»

 

José Riço Direitinho no Ípsilon, a propósito de Um Caso de Espíritos, o primeiro livro da série Bellini a foi publicado em Portugal com a chancela da Bertrand em Abril de 2008.

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

A remota Patagónia, uma terra «no fim do mundo», que Chatwin encontra numa visita de seis meses, é habitada por figuras errantes e exiladas, de gaúchos soltários a salteadores e foragidos, de mineiros abandonados aos índios da Terra do Fogo. fascinado por este sítio desde a infância, o autor atravessa toda a região, desde Buenos Aires e Rio Negro até Ushuaia, a cidade no extremo sul, captando o espírito da terra, da sua história e da sua solidão, e conferindo-lhe uma dimensão poética, mágica e intensa. 

 

Numa escrita prodigiosa, cheia de descrições maravilhosas e histórias intrigantes, Na Patagónia narra as viagens de Chatwin por um lugar remoto à procura de um estranho animal e os seus encontros com outras pessoas, cujas histórias fascinantes o vão atrasando no seu caminho paraum dos territórios mais fascinantes do mapa. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

 


  

Remo Bellini é um detective paulista - um solitário que ouve blues, bebe cerveja, gosta de comida italiana e às vezes tem pena de si próprio. É encarregue de procurar um manuscrito perdido de Dashiell Hammett, o que o leva a um Rio de Janeiro misterioso, cheio de figuras da alta sociedade, antiquários, jockeys e personagens que desaparecem ou mudam de identidade. Mas, enquanto percorre a capital carioca, não esquece um crime recente, cometido em São Paulo: uma jovem adolescente baleada num colégio de classe média. A imagem dessa jovem, perversa, inocente e quase pornográfica, leva-o a outra investigação onde encontra uma jornalista irrequieta e sensual , traficantes de droga, as estradas do interior do Brasil -

e o Demónio.

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

Nasceu em Lisboa, em 1980. Passou depois por outros sítios , mas teve sempre o cuidado de não fazer barulho nem incomodar as pessoas. Já fez muito na vida, mas arrepende-se de quase tudo e pede imensa desculpa. Tem uma vasta obra, nomeadamente. Colabora com o semanário Expresso; colabora com a revista Ler; colabora lá em casa no âmbito da louça e da roupa. Diga-se o que se disser sobre Rogério Casanova, a verdade é que ele gosta imenso de si. 

 

(retrato da autoria de Pedro Vieira)

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


 

O fogo. Sempre à solta nos montes. Podíamos vê-lo de onde estávamos, praticamente à mesma altura da estrada de alcatrão. Via-se  bem a zona de onde eu e o meu irmão tínhamos saído. O fogo já nem estava apenas no medronhal, tinha também chegado aos montes em que havia sobreiros. Os sobreiros seculares daquele monte, muitos, dezenas, centenas, e os mais novos, até os que ainda tinham apenas cortiça brava. Talvez alguns dos mais pequenos escapassem, porque o que nós víamos, eu, o meu irmão, os meus pais, o que nós víamos era o avanço voraz das chamas pelas copas das árvores maiores, que invariavelmente se tocavam. Se no medronhal, e antes nas estevas, o avanço era do chão até toda a altura da vegetação, naquele montado bem antigo era por cima, pelas copas. Parecia inclusive mais rápido.

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

 

«Banquetes reais, orgias anónimas, crises de bastidores, turismo pansexual, socialismo socialite, adultério, fetichismo, recriminação, propaganda, clisteres de vodca russo, poemas em latim e name-dropping numa escala industrial: aqui está uma leitura de férias para toda a família»


Pastoral Portuguesa, de Rogério Casanova 

textos breves | 261 páginas

Fevereiro 2009

Autoria e outros dados (tags, etc)


um livro sobre um homem que segue as chamas que vê na televisão até à sua aldeia abandonada diante da linha de fogo;

um livro que transcreve uma flash interview
a James Joyce feita depois de autor de Ulisses ter concluído mais um parágrafo da sua obra;

um livro policial que deu origem a um filme que será exibido no Fantasporto, no próximo domingo;

um dos mais belos livros de literatura de viagem de sempre. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tony Bellotto

19.02.09

 

Tony Belloto nasceu em São Paulo em Junho de 1960 e é guitarrista da banda de rock Titãs desde a sua formação. Além de músico, Belloto escreveu três romances policiais com o detective Remo Bellini como personagem principal: Bellini e os Espíritos (Um Caso de Espíritos, na edição portuguesa), Bellini e a Esfinge e Bellini e o Demônio, que se publica agora na Quetzal com o título Um Caso com o Demónio, tendo sido os dois últimos adaptados ao cinema. É também autor de O Livro do Guitarrista, de BR163: Duas Histórias na Estrada, e de Os Insones. Tony Bellotto mora no Rio, com a mulher, a actriz Malu Mader, e os dois filhos, e escreve regularmente no blogue Cenas Urbanas da Revista Veja. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pág. 1/3



QUETZAL. Ave da América Central, que morre quando privada de liberdade; raiz da palavra Quetzalcoatl (serpente emplumada), divindade tolteca, cuja alma teria subido ao céu sob a forma de Estrela da Manhã.

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

  •  
  • Sites e blogues de autores

  •  
  • Sobre livros

  •  
  • Editoras do Grupo BertrandCírculo

  •  
  • Comprar livros online

  •  
  • Festivais Literários

  •  
  • Sobre livros (imprensa portuguesa)

  •  
  • Sobre livros (internacional)

  •  
  •  

  • Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2015
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2014
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2013
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2012
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2011
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2010
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2009
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D